Eduardo Rigon

0
242

O destaque dessa semana é uma pessoa que todo executivo de agência e de mídia gostariam de tê-lo no atendimento, por sua dedicação, educação e conhecimento. Com todos que se envolve, Eduardo Rigon é uma unanimidade em postura, ética e comprometimento. Tenho orgulho de conviver com ele e sempre ter uma palavra séria de verdade e carinho.

Fiquei muito feliz e honrado quando o Nenê me convidou para participar da sua coluna e contar um pouco da minha história. Sou Eduardo Rigon, mais conhecido como Rigon, e meu começo na publicidade é diferente da maioria das pessoas que estão no nosso mercado. Eu nunca tinha pensado em publicidade!

Comecei a trabalhar cedo, com 14 anos, e meu primeiro emprego foi como office boy. Logo passei a auxiliar administrativo – contabilidade/estoques/impostos – o caminho que estava seguindo era o da administração. Após 5 anos, fui convidado por uma outra empresa para gerenciar a área administrativa. Era uma empresa menor, começando suas atividades e topei o desafio. Fiquei na área administrativa por 2 anos e acabei saindo por divergências éticas e profissionais. Uma grande experiência que me fez perceber que eu poderia ser um ótimo profissional da administração, porém, não seria feliz. Então, resolvi empreender e mudar de rumo.

Constitui uma empresa de venda e manutenção de máquinas de costura industrial. Isso mesmo, máquinas de costura! Após 3 anos de relativo sucesso, percebi que eu e a minha empresa não estávamos preparados para a abertura da economia promovida na época pelo então presidente Fernando Collor e decidi fechá-la.

E é aqui que começa a minha história na publicidade!

Em janeiro de 1997, fui convidado pelos meus grandes e queridos amigos Lucia Maggioni e Silvio Silva para integrar a equipe comercial da RBS Sucursal Vale do Sinos. E quando eu fiz a primeira venda para o City Park anunciar um show do Raça Negra e escutei o spot de 30” na Rádio Cidade, foi amor à primeira vista!

Em setembro de 2002 recebi o convite da RBS TV, por intermédio do Sérgio Prato, para ser Executivo de Contas na Sucursal de Gravataí que havia sido criada recentemente. Abrir um novo mercado com foco específico em RBS TV foi uma grande experiência.

Em 2008 fui convidado pela minha grande amiga Neca Hickmann para fazer parte da equipe da RBS TV Porto Alegre e em 2017, quando fizemos o movimento de integração das nossas áreas, passei a ser Gerente de Negócios do Grupo RBS.

Nesse meio tempo, em 2014, ingressei como sócio do GAV – Grupo de Atendimento de Veículos do RS. Participei da diretoria na última gestão da Vera Bavaresco e fui eleito presidente do GAV na gestão 2018/2020 com o desafio de manter o grande trabalho das gestões anteriores.

Sinto-me orgulhoso da trajetória que fiz no Grupo RBS e no nosso mercado, feliz e realizado até aqui e com muito brilho nos olhos para encarar os desafios que ainda virão.

Quem me conhece sabe que eu não poderia encerrar essa minha história sem fazer uma das coisas que mais gosto: agradecer!!

Quero começar agradecendo todos os amigos que fiz ao longo desses anos no mercado – Pessoas maravilhosas que eu tenho o prazer de conviver, que me fizeram crescer como profissional e ser humano e com as quais aprendo todos os dias. E não posso deixar de fazer dois agradecimentos fundamentais na minha trajetória: De ordem profissional, à Neca Hickamnn, uma líder que inspira pelo exemplo e pelas atitudes. Obrigado pelas oportunidades, pela confiança e amizade! De ordem pessoal, à minha esposa Silvana com quem estou casado há 28 anos e que esteve incondicionalmente ao meu lado durante toda essa trajetória.

Nenê, querido, muito obrigado pela oportunidade de contar a minha história e reviver todos esses momentos maravilhosos!

Grande abraço!

 

 

 

COMPARTILHAR
Artigo anteriorMAURO SEGURA
Próximo artigoNATÁLIA LEDUR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here