Kátya Desessards-22-02-19

0
32

Amigos doam o melhor à sua alma

Por Kátya Desessards – Consultant e menrhoring | Comunicação Empresarial e Inteligência Colaborativa

Sim, amigos te ofertam o melhor que tem. Amigos verdadeiros vão quer – realmente – o seu bem, vão lhe dizer o que PRECISA ouvir. Todos precisamos de lugares com portos seguros para baixar a guarda, deixar as emoções fluírem e a alma ficar frágil, sem escudos. É assim que evoluímos e damos passos importantes na vida. Mas isso não é pra todos… Por isso sou PRIVILEGIADA e GRATA, pois a vida tem sido muito gentil comigo… Difícil por certo, até injusta…mas nunca me negou a colheita do que semeio e cultivo com tanto cuidado…PESSOAS.

Numa manhã nublada de janeiro, fui visitar meus amigos e ex-colegas de trabalho. Acordei cedo, fui pra rodoviária e embarguei num ônibus pra Nova Petrópolis (sim, ônibus…por opção não tenho carro porque não gosto de dirigir… isso dá um artigo inteiro…). Subi a serra gaúcha pra encontrar um casal que admiro a tempos…para buscar conselhos, percepções, sugestões…e tudo que um amigo pode e deve nos dar. Amizade é troca, aprendizado e sincericídio positivo.

Júlio e eu passamos, recentemente, pela mesma experiência de sermos demitimos. Mas – como meu amigo escreveu num post aqui no Linkedin – nosso sentimento quase visceral foi de ter recebido a LIBERTAÇÃO. A minha experiência particular desse momento de desligamento foi de um desconcertante alívio…literalmente parece que tiraram um piano das minhas costas.

Não consegui ficar triste, me senti até ‘culpada’ por isso…claro… fiquei preocupada..pois minha PRINCIPAL profissão é ser a SUPER MÃE do Vinícius de 16 anos e da Gabriella de 6 anos (aqui também vai dar um artigo inteiro…prometo). E o segundo sentimento que me veio foi de GRATIDÃO por ter aprendido, por ter realizado grandes ações, por ter conseguido deixar a minha MARCA gravada na história dessa empresa (e isso ninguém me tira), por ter conhecido PESSOAS maravilhosas e outras nem tanto (mas que também me ajudaram a entender melhor as pessoas e eu mesma). Então, no final, só foram coisas boas, pois até o que foi ruim…foi bom. Esta sou eu…sempre e sempre o meu copo está SEMPRE meio cheio… ok… na realidade, sempre ‘quase’ transbordando 🙂 .

Bem, voltando à minha subida a Nova Petrópolis…

Estava com o propósito de ser a MAIOR ESPONJA possível para absorver cada palavra que seria DOADA para mim. Júlio, ao longo dos anos que nos conhecemos…e pelas empresas na qual fomos colegas…se tornou uma das minhas pessoas preferidas, e como ele é generoso ainda fui presenteada com uma outra pessoa de igual peso…Alessandra – sua esposa e ex-colega minha também noutra empresa.

Olha que sortuda eu sou. Na Alessandra me vi como num espelho…parecia eu falando. E o Júlio com esse jeitão de ir te provocando – delicadamente – para fazer você pensar, refletir…chegar ao ponto de desconforto suficiente pra alcançar o momento exato daquele… ‘ESTALO’.

Impressionante esse talento dele… “quando crescer quero ser assim”… To me esforçando.

O meu ESTALO chegou…aliás…no caminho de volta a Porto Alegre nem sei como o ônibus não ‘explodiu’…foi uma verdadeira chuva de fogos de artifício que, além de muito barulho me deram cores e um espetáculo de luz e som em pensamentos…que vinham chegando e faziam total SENTIDO. Agora sei o que quero e sei que isso vai mudar muito ainda…mas…tudo bem… era isso que precisa entender. O meu PROPÓSITO está claro…não quero mais parar de MUDAR. Mas agora seu o meu RUMO.

E o piano…lembra…daquele piano que havia tirado das costas!!! Ele voltou. Voltou mas não pesava nas costas…estava onde deveria estar, a minha frente e eu dedilhando… Pela primeira vez estava TOCANDO UM ‘PIANO’…como se fosse um virtuose em concerto. E este texto é a minha carta de LIBERTAÇÃO…minha carta de RECOMENDAÇÃO para você e às empresas tirarem o piano das costas e fazê-lo um instrumento musical.

A partir de agora o meu tempo será como vento…sempre diferente, sempre intenso e manso, sempre indo longe e ficando perto. ENTENDI o que quero e me ASSUMI como sou…inquieta, positiva, teimosa, livre, curiosa por aquilo que ainda não sei, perseguidora de desafios, intensa, carinhosa, comprometida, engajada e, o principal,… sou MÃE PROFISSIONAL pós-graduada, expert em diplomacia e phd em colaboração. Esta sou eu!

E ai…BORA conversar…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here