José Maurício Pires Alves

PERSEVERANÇA E REPOSICIONAMENTO

Por José Maurício Pires Alves – Atalho Soluções em Comunicação                                         

Nestes tempos de pandemia, com restrições a tudo e a todos, cabe-nos cada vez mais repensar nossa vida e nossos projetos.

Isto me faz lembrar Gabriela Mistral, famosa poetisa chilena do século passado que, por seu brilhantismo ganhou o prêmio Nobel de 1957, que tinha como tema constante em seus poemas, memórias de mágoas e recuperação. Uma frase dela chegou a mim e creio seja ilustrativa para nosso encontro semana.

Dizia ela: “Dai-me, Senhor, a perseverança das ondas do mar, que fazem de cada recuo um ponto de partida para novo avanço”.

Este pensamento tem dois aspectos importantes. O primeiro é a perseverança, aquela força que nos impede de desistir. Com ela vamos obter o sucesso tentando sempre. Persistência e paciência para vencer os obstáculos que nos cercam.

Se a causa é boa, a vitória virá.

Mas outro aspecto importante do pensamento da Gabriela Mistral está no fato de que muitas vezes um recuo pode ser a melhor estratégia para um novo posicionamento. É a capacidade de começar de novo para melhor atingir nossos objetivos.

Barreiras sempre existirão e portas muitas vezes se fecharão. Mas o importante e pensar e agir de maneira diferenciada.

E se ocorrer uma queda, faça como ensina a velha canção do Paulo Vanzolini:

“levanta e sacode a poeira”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *