NOTAS DA SEMANA 10.01.20

GLOBAL E NIRIN

A Nirin, nova agência comandada pelo publicitário Daniel Skowronsky que será liderada juntamente com Régis Montagna, está iniciando o ano com os seguintes clientes:

Iguatemi Porto Alegre, Chevrolet, Universidade Feevale, Casa Madeira, Casa Valduga, Kopstein, Randon, Cyrela, Phorbis e ABF.

O Departamento de Mídia da Nirin será liderada por Douglas e conta com Gabriela, Eduarda e Jéssica para reforçar sua equipe.

A agência Global, que seguirá sendo comandada por Alexandre Skowronsky e Vini Marques, fica com Sindilojas, Sebrae, Governo RS, Crédito Real, Uma Incorporadora, Cyrela Goldstein, GNC e Kildare. Além disso, a agência em breve estará se mudando para um novo endereço.

A Nirin encontra-se na Rua Barão de Santo Ângelo 479 – Bairro Moinhos de Vento – Porto Alegre/RS.

PANVEL

Durante muitos anos os conceitos veiculados, os cuidados com as mensagens foram sempre uma das grandes virtudes e admirações do mercado em relação a comunicação da Panvel.

Hoje ao visualizarmos painéis com mensagens de Natal (vencidos), textos nada criativos e de pouca inspiração nos meios eletrônicos nos perguntamos: ”O que estará acontecendo com a rede de farmácias? O número de lojas com seus totens  e fachadas grandiosas nas ruas substituem a propaganda na nova visão?

PREFEITURA MUDA

A partir da próxima semana a área de mídia da prefeitura da capital passa a ter um novo executivo, Ricardo Gomes, que desempenhou essa mesma função  na Secom Estado RS. Magali Barros que vinha desempenhando esta função estratégica  entra em férias merecidas.

Nota importante, esta mesma troca já tinha acontecido.

MAIS UMA
A concorrência das placas de esquina que numericamente cria uma série de indagações nos quesitos aproveitamentos, exploração e quantidades, tende a dar uma discussão grande nos próximos três meses, até a assinatura do ganhador.

FALAM MUITO!

O que teve de bobagem com a publicidade aprovada da Prefeitura em relação a verba e as agências foi uma demonstração de desconhecimento geral: Impetrantes da liminar

Agências vencedoras absolutamente idôneas e das mais credenciadas no mercado brasileiro

Juíza sem conhecimento e sentença de liminar insipiente.

Comentários de especialistas numéricos absolutamente errados

Mercado de entendidos com frases burras e propostas idiotas.

Diante de tanta ignorância, fica aqui a opinião cravada!

A escolha da publicidade e agência não mais por licitação e sim por vontade e escolha do eleito que foi chancelado por quem acreditou e fez a campanha.

ENCRENCA

Tão logo comecem assurgir os primeiros resultados a licitação do Banco terá desdobramentos jurídicos intermináveis.

A teimosia e a necessidade de seguir textos federais e inexequíveis vai criar esta confusão.

ARAUJO VIANNA

Termo de Entrega de Bens Públicos Concedidos assinado. Oficialmente o Auditório Araújo Vianna e Teatro Túlio Piva estão sob administração da Opinião Produtora pelos próximos 10 anos!

OOH

A iniciativa privada de exploração da mídia exterior que beneficia milhares de pessoas, que injeta grana e proporciona negócios a pequenos anunciantes, que recolhe mais impostos e garantias de mercado que ganhadora da concorrência dos relógios, deve ser mantida apesar da grande vontade de terminar com as empresas.

O dialogo solicitado, a reinvindicação da Agepal e a vontade de fazer o melhor para a cidade nos moldes das melhores do mundo nunca foi ouvido pelo gestor.

As provas e as evidencias da verdade estão à disposição.

INOVAÇÃO

A transformação digital foi o tema mais discutido no nosso mercado durante o ano de 2019, por isso a gestão de dados do consumidor e social-commerce são pontos fundamentais para otimizar a performance e, consequentemente, aumentar as vendas.

As empresas devem investir cada vez mais em estratégias para qualificar dados dos seus usuários, ou seja, o poder da informação sobre o consumidor é muito importante.

Como passar por uma transformação digital sem e-commerce? Esse canal é muito importante para a dimensão de alcance da marca que pode vender seus produtos além da sua cidade, ou seja, não deve ser pensado para “tapar buraco”, mas sim como uma ferramenta essencial para a performance digital da empresa.

IMOBI VAI DAR NOME AS RUAS DE PORTO ALEGRE

Placas de rua: proposta em leilão é mais que o dobro do previsto em edital

A prefeitura de Porto Alegre concluiu, na tarde desta terça-feira, 7, mais uma etapa da transformação do mobiliário urbano em benefício do cidadão. Foi realizado o leilão para concessão das placas de rua que levarão informação e serviço para toda capital. A empresa Imobi, especialista nesta área, apresentou lance no valor de R$ 18 milhões, mais que o dobro da oferta mínima prevista no edital, que era de R$ 8,9 milhões.

O prefeito Nelson Marchezan Júnior destaca que esta etapa faz parte do projeto para melhorar Porto Alegre, que já conta com a concessão dos relógios de rua e está em fase de consulta pública para os abrigos de ônibus. “Estamos buscando alternativas para melhorar o mobiliário urbano. É um modelo de gestão sustentável, que permite a iniciativa privada investir em serviços e bens públicos para a população. Sai ganhando a empresa, a prefeitura, mas sobretudo a população, que terá informação ou serviço que precisa”, disse o prefeito.

A partir de agora, se inicia a fase de habilitação e recursos. Depois de concluída esta fase, a empresa poderá ser declarada vencedora do certame. O segundo colocado foi o consórcio Al Space Placas de Rua, composto pelas empresas Ativa e Kallas. Para o secretário municipal de Parcerias Estratégicas, Thiago Ribeiro, a proposta, bem superior à prevista, foi uma surpresa bastante positiva. “Para nós, a proposta apresentada demonstra confiança das empresas na prefeitura e no trabalho que estamos fazendo. Além de garantirmos as novas placas em todos os cruzamentos de Porto Alegre, garantimos R$ 18 milhões aos cofres públicos que podem ser revertidos para outros tipos de obras relacionadas ao mobiliário urbano”, pontuou.

Contrato – A concessão prevê um contrato de 20 anos. Estão previstos a colocação de 4.412 conjuntos com estruturas próprias em 24 meses e a instalação dos 36.827, que serão colocados em estruturas de casas e postes. O prazo para a conclusão é de 36 meses. O investimento para a instalação está estimado em R$ 9,4 milhões.

As placas deverão ter nome completo e uma breve descrição da origem do nome da via, além do número do código de endereçamento postal e a numeração da quadra. Os conjuntos com estruturas próprias ainda terão o nome como a via é popularmente conhecida.

PEPSI

A Pepsi dos EUA já anunciou um novo posicionamento: “Thats What I Like”, ao todo são 5 comerciais que serão passados no Globo de Ouro e finais da NFL.

A campanha é baseada em uma pesquisa recente realizada pela agência Goodby Silverstein & Partners, que identificou, entre outras coisas, que os clientes da Pepsi têm duas vezes mais chances de bater palmas no final de um filme, duas vezes mais chances de aplaudir alto o rival em um evento esportivo e três vezes mais chances de cantar uma música em um karaokê.

GAMBRINUS

O famoso restaurante Gambrinus está lançando novos rótulos próprios para a sua linha de cervejas em comemoração aos 130 anos do estabelecimento.

O novo layout foi pensado a partir de uma pintura feita por alemães e encontrada através de uma reforma no local nos anos 90 e o proprietário do restaurante, João Melo, garante que a receita da cerveja continua a mesma e manteve-se o sabor original, alterando apenas a embalagem do produto.

Os novos rótulos e as bebidas foram confeccionados pela marca de cerveja artesanal local, Al Capone, em parceria com o restaurante.

BIG BROTHER

O Big Brother Brasil 2020 já tem 5 (cinco) patrocinadores, que inclusive já estão exibindo vinhetas com chamadas para o BBB 20, são eles: Burger King, Faculdades Anhanguera, Americanas, PicPay e Claro.

PLIN DIGITAL

Regina Lima e Alexandre Píres, head do Programa da Regina, um parceiro antigo da Plindigital desde o projeto 1804 O Caminho, reconheceu na empresa o perfil para desenvolver a estratégia digital do programa assim como desenvolver a marca gráfica. Para isto a Plin buscou a parceria da Alcalina que tem em seu DNA o desenvolvimento de marca e Branding. O briefing foi desafiador para as duas empresas, que em parceria, desenvolveram a marca do programa, assim como a estratégia digital e o Branding para chegar ao resultado desejado. O Programa da Regina é apresentado na televisão, mas entende que precisa estar com a mesma relevância nas mídias sociais e no ambiente digital. O projeto foi pensado em como fazer  algo identificado com a apresentadora e com seu público, levando em consideração todas as audiências, tanto na televisão quanto nas redes sociais.

FUSÃO BILIONÁRIA

A Natura&Co enviou na semana passada um comunicado para a impressa sobre o processo de aquisição da Avon Products revelando como funcionará a reorganização operacional e quais serão as lideranças nessa nova etapa.

O grupo foi dividido agora em quatro unidades. A Natura &Co América Latina vai abranger a gestão da Natura, Avon (exceto América do Norte) e The Body Shop na região e da Aesop no Brasil. Em um outro braço está a Avon (exceto América Latina), que será responsável pelos resultados dos mercados na Europa, África, Oriente Médio e Ásia (exceto Japão). As outras duas unidades são The Body Shop e Aesop.

BARRASHOPPINGSUL

Entre os dias 15 de janeiro e 08 de fevereiro, o público que frequenta o BarraShoppingSul poderá se divertir na exposição “Happy Pop’s”, que promete uma experiência muito doce, colorida e com diversos ambientes instagramáveis. Gratuita, a mostra traz a versão pocket do “O Museu Mais Doce do Mundo”, que já passou por temporadas em São Paulo, Rio de Janeiro e agora desembarca em Porto Alegre.

A exposição conta com cinco salas e mais de 30 ângulos diferentes pensados nos mínimos detalhes para que as instalações despertem memórias afetivas, por meio das cores, sentidos e esculturas de vários doces. O objetivo é o de aguçar o imaginário em experiências inigualáveis, nas quais a fantasia anda de mãos dadas com o mundo real.

Além disso, todos os ambientes foram cuidadosamente pensados para serem fotografados e filmados, possibilitando que o público compartilhe muito conteúdo em suas redes sociais.

Dentre as atrações estão a Sala dos Ursos, a Sala dos Picolés, a Banheira de Chicletes, o Balanço Sweet Dreams e a famosa a Piscina de Marshmallows, que foi um grande sucesso na versão completa da exposição. Outros espaços como o banco Happy, o Espaço Donut e uma moldura de Unicórnio também integram as atrações que os visitantes terão disponíveis para fazer fotos incríveis.

Localizada na Rosa dos Ventos, a Happy Pop’s funcionará de segunda a sábado, das 10h às 22h (21h30 entrada da última turma); e domingos e feriados, das 14h às 20h (19h30 entrada da última turma). Vale lembrar que o evento é sujeito a lotação e a exposição tem capacidade para 40 pessoas.

Happy Pop’s by O Museu Mais Doce do Mundo no BarraShoppingSul

Data: 15/01 a 08/02

Horário: De segunda a sábado, das 10h às 22h (21h30 entrada da última turma)

Domingos e feriados, das 14h às 20h (19h30 entrada da última turma)

Local: Praça Rosa dos Ventos

Capacidade: 40 pessoas por vez

Evento gratuito e sujeito a lotação. Consulte o regulamento em www.barrashoppingsul.com.br

VALVULADOS

O programa retornou nesta 5ª feira, dia 9, em alto estilo, reunindo duas jornalistas que fizeram carreira no futebol, vencendo preconceitos, barreiras próprias de esporte majoritariamente masculino e tornando-se referência na reportagem esportiva do Rio Grande do Sul.

O programa que vai ao ar, ao vivo, das 16h aas 17h, pelos canais da Rádio Press,  teve como convidadas as talentosas Eduarda Streb e Marjana Vargas.

A primeira substituiu a segunda quando esta, depois de dez anos, pediu demissão da RBS TV para viajar pela Europa e EUA.

Marjana começou o esporte em 1991, quando recém se formava em jornalismo pela PUC-RS. Na volta de seu ano sabático, em 2000, foi contratada pela TV Câmara, onde apresentou programas até 2009. Paralelamente, em 2007, foi contrata pela TV Pampa como diretora artística e de produção. Com 12 anos de casa, ela hoje é diretora de Conteúdo da Rede Pampa, com suas 18 emissoras de rádio, 4 emissoras de tevê e o portal do jornal O Sul. A Rádio Grenal é a menina dos olhos de Marjana, uma rádio com programação 24 horas voltada ao futebol.

A Eduarda, ou Duda como os mais próximos chamam, também é jornalista formada pela PUC-RS, com 20 anos de carreira, sendo 17 dedicados à RBS TV e à TV Globo, como repórter e apresentadora. De 2009 a 2012 trabalhou no SPORTV, no Rio de Janeiro, como repórter especial, cobrindo os principais eventos esportivos do Brasil e do Mundo: Copa do Mundo, Olimpíadas na China, Mundial de Clubes, Jogos Pan Americanos, Libertadores, Copa América, entre vários outros. Atualmente atua como Assessora de Imprensa, Palestrante e Mestre de Cerimônias.

Se, por acaso, você perder a edição ao vivo, pode assistir a todo o conteúdo pelo portal Press (www.revistapress.com.br/radio-press) ou no formato podcast nos diferentes serviços oferecidos no mercado (Spotify, Apple Podcast e Google Podcast).

CENP

20 melhores ideias em 2019: São 13 comerciais (Aviation Gin, Bud Light, Burger King, Globe Telecom, KFC, The New York Times, Nike, Popeye´s, P&G, Purina, Clio, Skittles, Sprite), um de educação pública (Sandy Hook Promise), um anúncio (desodorante Secret, da P&G), uma série de anúncios (Ikea), uma ação de marketing de conteúdo (Apple), uma ação de merchandising (Baskin-Robbins, em “Stranger Things”), uma ação de propósito (Ikea) e uma atividade de experiência (The Taco BellHotel).

7 melhores campanhas de marketing de todos os tempos: Quatro são de produtos: “Share a Coke with…”, na qual as pessoas indicavam outras para terem seus nomes impressos em uma lata da bebida; “O café da manhã é a refeição mais importante do dia”, da Kellogg´s; “Vai fritas com seu sanduíche?”, do McDonald´s; e “Um diamante é para sempre”, da De Beers.
Duas são de ações coletivas de categorias: “Escove seus dentes todas as manhãs” e “Você já fez oseguro?”.
E uma ninguém sabe exatamente quem inventou: “Cinema + pipoca”.

10 maiores marcas que anunciam nos EUA: O primeiro lugar passou agora a ser da Geico (uma seguradora, da Berkshire Hathaway), que era o 10° há 10 anos. A segunda posição é da Amazon, que nem fazia parte das lista dos 200 maiores em 2009. E a terceira posição é de outra seguradora, a Progressive, que era a 33º há uma década.
Da lista dos 10+ saíram o Walmart (era a 3º), a Macy’s e a Target. Entraram a mencionada Amazon e Progressive mais a Apple (era a 47º).
Mantiveram o mesmo lugar no ranking a GM/Chevrolet (5º) e a Ford (7º); o McDonald´s saiu da 6º para a 9º posição. E a AT&T caiu do 2° para o 10° lugar.
A Sprint era a 4º, mas a T-mobile, que a comprou está em 8° lugar.
O mais impressionante, porém, é a redução das verbas: em 2009 as 10+ investiram US$ 11.161 bilhões e agora, foram apenas US$ 9.373, ou seja, menos 14%, sem considerar a inflação do período.

AFRICA

A lei do maior esforço traz recompensas. Afinal, ter produtividade elevada propicia melhores resultados financeiros. No caso da Africa, eliminar refação é o conceito que monitora sua operação e o volume contabilizado não ultrapassa os 15%, considerado bom pelo copresidente e CEO Marcio Santoro, que divide o comando da agência com Sergio Gordilho.

“Fazer de novo custa muito caro, mas ninguém consegue trabalhar com erro zero. Por outro lado, refazer consome muita energia. Assertividade é uma busca permanente e isso exige mais disciplina para não comprometer o banco de horas acertado com o cliente cujo estoque precisa ser bem usado para não ir para o lixo”, explicou Santoro.

Além do comprometimento, Santoro destaca que a busca pela produção assertiva envolve compreensão exata dos dados disponíveis antes de formalizar um projeto. Em sua opinião, isso faz diferença entre refação e correção. “Quando temos uma campanha com seis filmes e quatro performam muito bem, é natural se colocar mais recursos no que está tendo performance elevada. Nos demais fazemos as correções necessárias de acordo com as informações que chegam”, disse o executivo.

Apesar de o ano de 2019 ter gerado crescimento de 10% em relação a 2018, Santoro enfatiza que as margens estão cada vez mais enxutas. Consequentemente, a cobrança por ROI é multiplicada. E, de acordo com Santoro, deve abranger a expectativa do controlador e da qualidade interna.

“Não é mais como há 10 anos. A palavra perdulário não tem mais espaço no dicionário do negócio da propaganda. De outra maneira, a agência simplesmente quebra. O que não podemos desperdiçar é talento. Que estão cada vez mais diversificados. Acabamos de contratar dois engenheiros que se misturam a sociólogos, cientistas e outros perfis que antes não faziam sentido em uma agência. Montar times estratégicos e com olhar apurado para o cliente é uma meta que me desafia. Este ano tivemos de trocar mais de 50% da equipe para atender ao novo modelo de gestão de marcas”, observou Santoro.

A principal fonte de crescimento da Africa é o cliente que já está no seu portfólio de negócios. “Nós participamos de concorrências, sim, mas não podemos comprometer profissionais que estão envolvidos com os nossos clientes para trabalhar em concorrências. Não seria honesto da nossa parte usar o recurso que o cliente paga para colocá-lo à disposição de pitchs. Quando somos convidados, e aceitamos, montamos equipes para esse fim. Que correm risco junto com a Africa. Se ganharmos a conta negociamos a contratação da equipe”, ponderou.

A conquista do Grupo Duratex (Deca, Hydra, Durafloor, Duratex, Ceusa e Portinari), cujo contrato foi assinado neste mês, foi uma das concorrências que a Africa participou. A gestão vai ficar sob a responsabilidade da unidade Africa Corporate e Varejo. Santoro, no entanto, enumera a progressão que ocorreu ao longo de 2019, uma delas o crescimento na Vivo que unificou sua comunicação na Africa e Y&R.

“Concentramos a maior parte dos projetos da Vivo, onde também conquistamos a Fundação Telefônica”, frisou. Santoro acrescenta: “Com Natura construímos a nova narrativa de marca #PorUmMundoMaisBonito, além de estarmos reposicionando a linha Ekos na América Latina (Argentina, Chile, Colômbia, Peru e Mexico). No Itaú conquistamos o ITI, novo banco digital da marca, e fomos responsáveis pelo lançamento do produto no mercado. Para a BRF criamos o posicionamento Quanto mais você conhece, melhor a Sadia fica. Tínhamos a conta de Qualy, mas ampliamos para a Sadia com trabalho inicial para a linha de frangos. Agora fizemos o Natal 360°. Como disse, o primeiro foco de crescimento é no cliente que já está em casa”, finalizou Santoro.

FACEBOOK

A pergunta, feita por Erik Brynjolfsson e quatro coautores de um novo estudo do MIT, pode ajudar economistas a medirem melhor até que ponto novas tecnologias gratuitas estão remodelando a economia e nossas vidas. Obviamente, o impacto é enorme.

Segundo o estudo, a rede social por si só poderia acrescentar 0,11 ponto percentual por ano ao PIB dos EUA, quando se considera o benefício para usuários. O artigo foi apresentado no sábado na reunião anual da Associação Econômica Americana, em San Diego.

O estudo aborda uma questão mais ampla que intriga economistas: até que ponto a tecnologia está melhorando nossas vidas? Tradicionalmente, a abordagem tem como foco o nível de riqueza proporcionado aos indivíduos pelas inovações. Assim, a resposta apareceria no PIB, uma medida imperfeita, mas razoável, de bem-estar agregado.

Essa tarefa fica mais difícil, no entanto, quando as tecnologias que transformam a sociedade são gratuitas, pelo menos em dólares, embora os autores também concordem com a ideia de que bens e serviços “gratuitos” podem ter um preço implícito.

Afinal, se Facebook, Twitter, serviços de mapas GPS e um host de outros aplicativos de smartphones têm custo zero, eles não aparecerão no PIB nem nas medidas tradicionais de produtividade – mesmo que melhorem nossas vidas e nos tornem mais produtivos.

Para resolver isso, Brynjolfsson e os coautores realizaram antes de tudo uma série de experimentos e pesquisas destinados a extrair o valor monetário que as pessoas atribuem a certos bens e serviços gratuitos. Isso lhes permite construir uma alternativa ao PIB, que chamam de PIB-B, com base não nos custos reais, mas nos benefícios percebidos.

Em uma amostra representativa de usuários de Internet nos Estados Unidos, descobriram que o preço médio de sair do Facebook por um mês seria de US$ 42,17.

Em outro teste com participantes na Holanda, quando questionados sobre alguns serviços gratuitos na Internet, o grupo atribuiu o maior valor ao WhatsApp, controlado pelo Facebook: 535,73 euros (US$ 598) pela abstinência de apenas um mês. O Facebook recebeu o segundo valor mais alto, de cerca de 100 euros. O Twitter, usado por apenas um terço do grupo, foi avaliado em menos de 1 euro.

PLANETA ATLÂNTIDA 2020

Os planetários já podem se organizar para curtir a maior festa do verão gaúcho!

Acaba de ser anunciada a relação das atrações que tocam em cada um dos dias do megaevento. Reunindo artistas de todos os estilos, o maior festival de música do sul do país vai movimentar a Saba, na Praia de Atlântida, em 31 de janeiro e 1º de fevereiro.

Na primeira data, o público poderá curtir o funk de Dennis DJ, Kevin O Chris e Kevinho, a música eletrônica de Don Diablo, o sertanejo de Luan Santana, o pagode de Dilsinho e o pop de IZA, além das músicas de Vitor Kley, Lagum, Di Ferrero, 3030, Gabriel Elias e a apresentação de abertura com o hino rio-grandense interpretado por Neto Fagundes. Já no segundo dia, o festival terá shows de Alok, Anitta, Natiruts, Gusttavo Lima, Dado & Bonfá tocando Legião Urbana, Raimundos, Melim, Fresno, Matuê, Vitão, Poesia Acústica e Jão.

Além das 25 atrações que vão se revezar no Palco Planeta e no Palco Atlântida, mais de 20 rappers e MCs também vão marcar presença no já anunciado Planeta Beat. A novidade estreia no festival com uma sexta-feira dedicada ao rap, com nomes como o trapper mineiro Sidoka, e um sábado de baile funk, com discotecagem do DJ Chernobyl e diversas outras atrações que vão fazer o público a dançar até o chão.

Os ingressos para o festival estão à venda no site www.planetaatlantida.com.br e nas Lojas Renner credenciadas em Porto Alegre, Novo Hamburgo, Caxias do Sul, Santa Maria e Capão da Canoa. Assim como na última edição, todos os planetários podem aproveitar para garantir o ingresso solidário, categoria especial que oferece 40% de desconto no valor das entradas e que ainda ajuda ONGs selecionadas pela Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho (FMSS). Ao optar por essa modalidade, R$ 10 do valor pago serão doados automaticamente para duas instituições sociais que promovem a inclusão social por meio da educação musical: a Sol Maior e a Orquestra Villa-Lobos.

O Planeta Atlântida 2020 é uma realização do Grupo RBS e da DC Set Group com patrocínio de Renner, Coca-Cola, Skol e Banrisul. Acompanhe o aquecimento para o evento mais aguardado do verão gaúcho pelas redes sociais com a hashtag #sóquemvaisente em www.facebook.com/planetaatlantida e no @planetaatlantida no Twitter e no Instagram.

Confira a lista completa das atrações divididas por dia:

Sexta-feira, dia 31 de janeiro

Dennis DJ

Don Diablo

Kevin o Chris

Luan Santana

Dilsinho

IZA

Kevinho

Vitor Kley

Lagum

Di Ferrero

3030

Gabriel Elias

Neto Fagundes

Batalha Aldeia versus Olimpo

DJ Coch

DJ Milkshake

DJ Saulit

DJ Tito Veloso

Hot Players

Dropping

Laypold

Nicolas Walter

Sifra

Sidoka

Zifi

Cristal

Rafo

Sábado, dia 1º de fevereiro

Alok

Anitta

Natiruts

Gusttavo Lima

Dado & Bonfá tocam Legião Urbana

Raimundos

Melim

Fresno

Matuê

Vitão

Poesia Acústica

Jão

ADR

Ariel B

Chernobyl

Heitor

Johnny420

Khalif

Lilo

Mari Krüger

Syon

SERVIÇO

Planeta Atlântida 2020

Dias 31 de janeiro 1º de fevereiro (sexta e sábado)

Saba (Avenida Interbalneários, 413 – Centro – Praia de Atlântida – Rio Grande do Sul)

Classificação etária: 14 anos. Menores de 14 anos não entram no evento, mesmo que acompanhados pelos pais ou responsável legal.

Ingressos

Arena (por dia): R$ 216 solidário e clube do assinante / R$ 200 meia-entrada / R$ 360 inteiro

Arena (passaporte): R$ 384 solidário e clube do assinante / R$ 360 meia-entrada / R$ 640 inteiro

Camarote (por dia): R$ 396 solidário e clube do assinante / R$ 350 meia-entrada / R$ 660 inteiro

Camarote (passaporte): R$ 636 solidário e clube do assinante / R$ 570 meia-entrada / R$ 1.060 inteiro

Planeta Premium – esgotado

Preços sujeitos a alteração conforme o lote vigente

Vendas

– Online: www.planetaatlantida.com.br.

– Lojas Renner em Porto Alegre: Av. Otávio Rocha, 184 – Centro. Horários de funcionamento: de segunda a sexta das 8h30 às 20h e sábado 8h30 às 19h. Telefone: (51) 2101-3100. Shopping Iguatemi (Rua João Wallig, 1800 – Passo d’Areia). Horários de funcionamento: de segunda a sábado, das 10h às 22h, e em domingos e feriados das 13h às 21h. Telefone: (51) 2101-3200.

– Lojas Renner em Novo Hamburgo: Bourbon Shopping (Rua das Nações Unidas, 2001 – Centro). Horários de funcionamento: de segunda a sábado, das 10h às 22h, e em domingos e feriados das 13h às 20h. Telefone: (51) 2121-4900.

– Lojas Renner em Caxias do Sul: Shopping San Pelegrino (Av. Rio Branco, 425 – São Pelegrino). Horários de funcionamento: de segunda a sábado, das 10h às 22h, e em domingos e feriados das 14h às 20h. Telefone: (54) 2108-2352.

– Lojas Renner em Santa Maria: Rua Dr. Bozzano, 1233 – Centro. Horários de funcionamento: de segunda a sexta, das 8h30 às 20h, e nos sábados das 8h30 às 19h. Telefone (55) 2101-3000.

– Lojas Renner em Capão da Canoa: Av. Paraguassú, 2172 – Centro. Horários de funcionamento: de segunda a sábado, das 9h às 21h, e em domingos e feriados das 12h às 21h. Telefone: (51) 3502-1300.

Formas de pagamento

No site: com cartões de crédito Visa, MasterCard, Diners e ELO em até 6x sem juros. Cartões de crédito Banrisul das bandeiras Visa e MasterCard em até 10x sem juros.

Nas Lojas Renner: dinheiro, cartões de débito e crédito (VISA, MasterCard, ELO, cartões de débito e BanriCompras) com parcelamento em até 6x sem juros.

Luan Santana é uma das atrações do primeiro dia de festival. Crédito: Marcos Nagelstein/Agência Preview.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *